29 abr - 18:04

Lleyton Hewitt não arreda pé dos courts e vai em busca do título no Millennium Estoril Open

O veterano australiano está de regresso a Portugal após quase 20 anos para tratar da parte técnica de Alex de Minaur, para além de ser uma das surpresas do quadro de pares.

Convidado de última hora pela organização, Lleyton Hewitt esteve esta tarde na sala de conferências de imprensa antes de dar arranque ao seu (novo) regresso ao circuito profissional. O jogador australiano está no Millennium Estoril Open a tratar da componente técnica de Alex de Minaur mas, sobretudo, para jogar ao lado do jovem compatriota no quadro de pares.

“Ouvi coisas muito boas por parte de alguns jogadores que estiveram comigo na Taça Davis. É bom vir aqui, ajudar o Alex de Minaur, que é um jogador em ascenção. Espero que o tempo melhore mas este é um ótimo espaço acolher o torneio”, começou por dizer Lleyton Hewitt, que, com a liderança da hierarquia e dois torneios do Grand Slam, é dos jogadores com maior palmarés esta semana no Clube de Ténis do Estoril.

Esta é a primeira vez em 18 anos que o jogador de 37 anos vem a Portugal - a última aconteceu em plena Masters Cup, no ano de 2000, onde jogou no então chamado Pavilhão Atlântico. “Para mim chegar à Masters Cup foi um ótimo feito, ir até Lisboa também, por isso é ótimo voltar até aqui. Não me tinha apercebido de que o Estoril era assim tão perto de Lisboa!”, afirmou.

Com a despedida da vertente de singulares no Open da Austrália de 2016, a verdade é que ‘Rusty’, como é carinhosamente apelidado, continua a espalhar magia na vertente de pares e em várias competições - Grand Slams, Taça Davis e, agora, em pleno Millennium Estoril Open. A ideia é jogar mais eventos ao longo do ano.

“Não sei se me cheguei mesmo a retirar dos pares. Desde que me retirei no Open da Austrália joguei alguns encontros de pares por ocasiões diferentes, e depois joguei novamente com o Sam Groth no Open da Austrália este ano e fiquei surpreendido com o meu nível. Sei que significa muito para o Alex jogar comigo esta semana, e eu gosto muito de trabalhar com ele”.

Lleyton Hewitt e Alex de Minaur vão estrear-se no quadro de pares perante Raven Klaasen e Michael Venus, segundos cabeças de série da prova.

patrocinadores
;