01 mai - 18:39

João Sousa admite mais tranquilidade e espera um duro duelo contra Pedro Sousa nos 'oitavos'

O jogador português representou da melhor maneira as cores do país no Estádio Millennium. Amanhã, o amigo Pedro Sousa transforma-se em rival.

Não foi à primeira, nem à segunda, mas João Sousa conseguiu nesta terça-feira a sua primeira vitória em encontros de singulares do Millennium Estoril Open. O número um nacional defrontou o jovem talento Daniil Medvedev num Estádio Millennium completamente cheio e levou todos os adeptos à ‘loucura’ depois de concretizar o match point. No final, a satisfação era mais do que evidente.

“É o ano que eu eu melhor estava preparado”, começou por dizer João Sousa, que conseguiu a vitória perante o jogador russo em apenas duas partidas, nas quais teve de recuperar de um break de desvantagem. “Tenho vindo a jogar bom ténis há alguns meses. Estava tranquilo, sabia que ele era um jogador complicado, com um estilo de jogo peculiar, um pouco imprevisível, mas que se eu jogasse bem e estivesse bem mentalmente teria muitas chances de vencer”.

Por vezes, a motivação que é jogar em casa pode dar lugar a uma maior pressão, o que afeta a prestação de um jogador que tem um estádio cheio a torcer por si. Este ano, o vimaranense admite estar a lidar melhor com a situação: “sinto-me mais tranquilo mentalmente. Tenho vindo a jogar bom ténis e a fazer bons encontros, o que dá confiança. Hoje estava bastante tranquilo e a dar o meu melhor, as coisas correram muito bem e estou muito contente com a vitória”.

A vitória de João Sousa garante, por isso, um português (ou melhor, um ‘Sousa’) nos quartos-de-final, isto porque o duelo de amanhã vai colocar frente-a-frente dois homónimos depois do triunfo suado de Pedro Sousa nesta segunda-feira. Um encontro a não perder no Estádio Millennium e com direito a antevisão por parte do número um nacional:

“O Pedro é um excelente jogador, que eu admiro muito. Um companheiro de Taça Davis que eu conheço em, e ele também me conhece a mim. Ambos vamos dar o nosso melhor e, no final, o melhor vai vencer”.

O encontro vai ser disputado amanhã, não antes das 15h.

patrocinadores
;