30 abr - 18:55

Gastão Elias cai ‘à primeira’ perante jovem talento

O lourinhanense não teve armas para combater o jogo de Alex de Minaur, que conseguiu assim a sua primeira vitória nos quadros principais de torneios de terra-batida no circuito ATP World Tour.

Não correu bem a estreia de Gastão Elias na edição de 2018 do Millennium Estoril Open. Ditou a sorte do quadro principal que o número dois nacional defrontasse uma das jovens sensações deste ano, Alex de Minaur, que dominou o encontro do princípio ao fim. No final, os parciais de 6-3 e 6-1, conseguidos ao cabo de 87 minutos, foram favoráveis ao australiano.

Atualmente na 108.ª posição da hierarquia mundial, Gastão Elias não teve nesta segunda-feira armas para combater a técnica defensiva e as variações táticas de Alex de Minaur, treinado por ninguém mais, ninguém menos que Lleyton Hewitt. O jogador de 19 anos não se deixou intimidar pelo público totalmente do lado de Elias e logo desde os primeiros jogos que mostrou que

“Acho que joguei um encontro de alta qualidade contra um grande jogador, especialmente em terra-batida. As condições eram complicadas por isso quis uma vitória rápida, vencer os pontos longos e manter-me sólido desde o primeiro set. Estou muito satisfeito com o meu nível esta tarde”, disse de Minaur, que conseguiu no Clube de Ténis do Estoril a sua primeira vitória em quadros principais de provas ATP World Tour sobre o pó-de-tijolo.

Na próxima ronda, o número 111 do mundo vai disputar o acesso aos quartos-de-final com o britânico Kyle Edmund, semifinalista do Open da Austrália. Gastão Elias está ainda em prova no quadro de pares, onde joga ao lado de Pedro Sousa. A dupla portuguesa estreia-se nesta terça-feira no Estádio Millennium.

patrocinadores
;