30 abr - 20:13

Finalista de 2018 avança no quadro

Frances Tiafoe, finalista da edição passada do torneio, regressou ao torneio português com uma vitória sobre o cazaque Mikhail Kukushkin por 6-3 e 7-5.

O jovem norte-americano, esta semana na 31ª posição do ranking ATP, fechou a programação de singulares do Estádio Millennium e não defraudou as expectativas do público resistente, ainda que os parciais possam não representar fielmente o ascendente do confronto -- visto que a estrela da NextGen salvou cinco de seis break points, tendo sido quebrado apenas quando servia pela primeira vez para concluir a contenda. Para Tiafoe, segue-se o único canhoto do quadro principal de singulares, o japonês Yoshihito Nishioka, que ontem ultrapassou Mackenzie McDonald, compatriota de ‘Big Foe’.

John Millman foi outro dos vencedores da jornada. Num duelo que tinha tudo para ser aliciante, frente a Bernard Tomic, Millman atropelou o mais novo dos australianos por 6-3 e 6-0. Próxima ronda? O português João Domingues, no primeiro encontro do dia desta quarta-feira, no Estádio Millennium, às 13 horas.

O acasalamento do quadro ditou um duelo de jogadores que executam esquerdas a uma mão na segunda ronda. Pablo Cuevas bateu Salvatore Caruso com contundentes parciais de 6-2 e 6-2 -- dois dias depois de os mesmos protagonistas se terem digladiado na última ronda do qualifying, na altura com vitória de Caruso -- e marcou duelo com Leonardo Mayer (parceiro de pares de João Sousa), já que o argentino venceu Dusan Lajovic (também este um confronto com jogadores que usam a esquerda ‘clássica’) por 7-6 (3) e 6-4. A partida entre Cuevas e Leonardo Mayer realiza-se esta quinta-feira.

patrocinadores
;