27 abr - 18:40

Armada portuguesa reforçada nas vésperas do arranque

O dia prometia muitas movimentações e no final a representação portuguesa no Millennium Estoril Open aumentou (e bem!).

No quadro principal, João Sousa (67.º no ranking ATP) era, até esta sexta-feira, o único tenista luso a ter entrada direta, mas acabou por receber a companhia de Gastão Elias (111.º), que depois das habituais desistências e movimentações de última hora também acede diretamente à grelha mais importante, e ainda Pedro Sousa (118.º) e Frederico Silva (289.º), que foram os tenistas escolhidos pela organização para receberem os dois últimos wild cards.

Mas as movimentações não se ficaram por aqui, porque este sábado arranca a fase de qualificação e também aí há várias entradas a assinalar: João Domingues (190.º), João Monteiro (263.º) e Fred Gil (442.º) tiveram todos entrada direta e vão ter ainda a companhia de Tiago Cação (844.º) e Francisco Cabral (877.º), que por convite vão participar no torneio pela primeira vez.

Das quatro edições de Millennium Estoril Open, a de 2018 fica em segundo lugar no que ao total de participantes portugueses diz respeito. Mas é importante relembrar que a marca só é batida pela de 2015, quando o quadro de qualificação ainda era de 32 jogadores (o que permitiu a participação a 14 atletas, aos quais acresceram ainda os 4 do quadro principal).

 

patrocinadores
;